segunda-feira, março 27, 2006

Foi-se com o vento...

 

A Galiza também tem a sua Madeira, um antro de populismo e tacanhice obtusa que se julga imune à lei e padece de défice democrático. Mas enquanto nós temo-la isolada num cantinho no meio do mar (ao menos isso!), os galegos têm-na ao virar da esquina, mais propriamente na Corunha, cujo município faz tábua rasa de qualquer plano ou acordo referente ao uso do galego.

Em Outubro do ano passado, a autarquia hasteou uma grande bandeira espanhola num alto mastro erguido na marginal da cidade, um pouco como Santana Lopes fez no Parque Eduardo VII em Lisboa...



Mas ontem, dia 26 de Março, o vendaval que se abateu sobre a Galiza derrubou a dita cuja, felizmente sem causar feridos:



Alguns já gritam alarmados que se rompe España! Sinceramente, eu espero bem que sim, deleitado que estou com este pequeno momento em que a Mãe Natureza derruba a soberda humana de um autarca com tiques franquistas. Que a Galiza, Catalunha e o País Basco rompam com a Espanha, sim senhor :]

Mais reacções com uma pitada de humor no VA-CA.

Actualização:

Apercebi-me que já está disponível um vídeo do depois do adeus da bandeira :p



Pelo que a um português na Suécia deu para perceber, as reacções dos galegos a este inspirado momento das forças da Natureza foi qualquer coisa ao nível de uma queda de neve em Lisboa: vídeos, fotografias, piadas e sobretudo muita alegria e celebração um pouco por toda a blogosfera. Nas palavras de uma nota citada nos comentários do VA-CA:

Colocar tamanha bandeira naquele mastro em meio da Couraça, era além de soberba e idiotize desconhecimento da história local. É todo um símbolo, pois as bandeiras são símbolos do que foi a Crunha [Corunha] de Francisco Vázquez [o autarca]. Soberba, desprezo e aparências, mas desconhecimento da história da Crunha. Brindo polo meu mar e o vento Marçal. E, menos mal que não houve que lamentar vitimas.

Serão bons ventos a soprar pela Galiza? :]

2 Comments:

Blogger Dustin disse...

nice pictures

6:41 da tarde  
Anonymous Subcomediante S disse...

Skal, Heliocóptero!!! (brinde virtual à queda da bandeira pequeno-imperial na Corunha :-) )

12:18 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home