quarta-feira, maio 24, 2006

Contagem decrescente

 

Já está! :D

Finalmente acabei a tese! Escrita, revista, re-revista e enviada à Alexandra! :D Agora passam-me pela cabeça todas as dúvidas e mais algumas: será que corrigi aquela parte? Não me escapou nenhuma gralha? Eu formatei a coisa como deve ser? Pus os livros todas na bibliografia? O texto não ficou com buracos? Isto já me passa daqui a umas horas... :p

Entretanto...

A contagem decrescente começa hoje! Estou a 10 dias de voltar para casa!!!! :D

7 Comments:

Anonymous miguel carvalho disse...

oias olha gostava que fizesses aqui um topico como é viver em uppsala se teves-te muita dificuldade em te adaptar á cidade e se foi facil fazer novos amigos!
tambem poderias dizer se és o unico portugues que estuda na tua universidade e se depois de acabares a universidade estas a pensar ficar por ai!Ja agora conhesses esta escola:tunabergsskolan de uppsala!
Se poderes diz tambem quanto gastas em media por mes para viveres ai!
cumprimentos miguel carvalho

6:10 da tarde  
Blogger Heliocoptero disse...

Caro Miguel,

Para algumas das coisas que referiste eu já tenho umas entradas pensadas, mas enquanto não as publico digo-te já as respostas às tuas perguntas ;)

- Em Uppsala vive-se muitíssimo bem. É uma cidade segura, onde por regra se anda bem na rua sozinho às 3 da manhã, tem imensos espaços verdes e está preparada para a circulação de bibicletas com uma rede urbana de ciclovias que se estende até algumas das aldeias em redor. Aliás, falar em problemas de estacionamento em Uppsala é muitas vezes o mesmo que dizer que não tens onde deixar a bicicleta. O terreno é mais ou menos plano e anda-se bem a pedal a qualquer hora do dia ou da noite. A vida nocturna gira largamente em torno das nações, clubes de estudantes com bares, bibliotecas e actividades próprias e onde podes entrar de graça à noite antes das 21 horas (ou se fores membro da nação a que vais).

- Fazer amigos não é difícil, mas pode depender de muita coisa. De onde moras e das pessoas que moram contigo, se trabalhas ou não nalguma nação, se vais ou não a festas e jantares de estudantes, etc. Se fores aluno estrangeiro, és capaz de ter mais facilidade em dar-te com outros na mesma situação que tu.

- Portugueses há cá mais uns quantos, mas não sei por quanto tempo e não, não tenho intenções de cá ficar. Não me importava de cá voltar por uns tempos, mas mudar-me definitivamente para cá não está nos meus planos.

- O total mensal dos gastos depende da renda que estás a pagar. No meu caso, pago 3000 coroas suecas por mês (cerca de 300 euros) que incluem água, luz, aquecimento e ligação à internet. Normalmente, outros 3000 por mês servem para a alimentação e extras (bilhetes de autocarro ou comboio, produtos de higiene, comida extra para uma festa, postais e prendas, etc.). No entanto, se te metes a ir ao cinema, viajar com frequência e a sair à noite para sítios caros, a factura aumenta num instante!

- Nunca ouvi falar da tunabergsskolan, mas posso perguntar aos suecos que moram comigo ;)

8:29 da tarde  
Blogger Cocci disse...

Parabéns pela tese e...

VOLTA!!!

12:18 da tarde  
Anonymous miguel carvalho disse...

ola e obrigado pela resposta ! se calhar estou a ser um bocado chato mas gostaria de fazer mais algumas perguntas:
Se ja sabes alguma coisa da escola que te falei!
Se ai é permitido trabalhar enquanto se estuda!
Se tu foste para a suecia com o programa ERASMUS!
Tu vives sozinho ou estas junto com outros estudantes que tambem estao a estudar fora !
Por exemplo se tu quisesses ficar ai a viver seria facil arranjar um trabalho na area em que tu tiraste o curso?

6:50 da tarde  
Blogger papoilasaltitante disse...

Está quase!!!! Faltam 10 dias....
Cá te esperamos.
Beijocas!!!

11:28 da tarde  
Blogger Heliocoptero disse...

Caro Miguel,

- Ainda não sei nada sobre a tal escola;

- Geralmente os estudantes trabalham nos bares das nações (duvido que te deixem trabalhar noutro sitio) e mesmo para isso tens que obter um documento das Finanças Suecas. Eles aqui controlam as coisas a sério;

- Vim para cá por conta própria, não em regime de intercâmbio;

- Estou a morar com mais onze pessoas numa área residêncial de estudantes. Comigo mora uma espanhola, um queniano e o resto é tudo suecos;

- Sinceramente, não pensei sequer em arranjar trabalho na minha área aqui na Suécia, por isso não te sei dizer se seria fácil ou não.

12:57 da manhã  
Anonymous Max @ Devaneios Desintéricos disse...

Bom, na verdade estou em pulgas :)))para recomeces o teu "Coroas de Pinho" que, certamente, constará do elenco dos links do Devaneios :))) tou só à espera que voltres a por os pés em terras lusas....:)))

abraço

4:04 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home