sábado, abril 15, 2006

Bons ventos e não só

 

Se bem se lembram ou se ainda não sabem (esta semana descobri que há portugueses que ainda não fazem a minima ideia da coisa), há um ano atrás, em Abril de 2005, era aprovada no Congresso dos Deputados de Espanha a alteração legislativa que permitia aos casais homossexuais espanhois não só casar, como adoptar crianças, plenamente em pé de igualdade com os casais heterossexuais. Dava-se, assim, um salto civilizacional em frente, para usar as palavras então usadas por Zapatero, em direcção a "um país mais decente, porque uma sociedade decente é aquela que não humilha os seus membros."

Na altura, quem mais contestou a nova lei foi muito naturalmente a sempre retrógada e mal habituada Igreja Católica Romana, juntamente com os seus fidelissimos beatos que enchem as fileiras do PP espanhol. O mesmo partido político, aliás, qual herdeiro do conservadorismo franquista, qual quê, mantém ainda hoje um recurso no Tribunal Constitucional para tentar reverter o processo legislativo e voltar-se aos dias de segregação legal dos homossexuais no que ao matrimónio e familia diz respeito.

Mas enquanto o faz, alguns dos seus membros estão-se nas tintas para a posição oficial do PP e dão o nó (nó gay, entenda-se). Foi o que aconteceu no passado dia 10 deste mês em Ourense, na Galiza: José Araújo, filiado no Partido Popular e responsável pela cultura no Ajuntamento de Ourense, casou-se com o seu namorado numa cerimónia presidida pelo alcaide Manuel Cabezas, também ele do PP (ver notícia aqui). A Igreja claro que protestou (ainda alguém a leva a sério?), o Partido Popular diz que mantém a sua posição oficial, mas o que é certo é que o casalinho está firme e hirto e quem sabe se não virá a adoptar uma criança. Muitas felicidades para os noivos!

Depois da queda da bandeira espanhola na Corunha e deste matrimónio civil no seio de quem se opõe a ele, bem que se pode dizer que na Galiza sopram bons ventos e fazem-se bons casamentos. Esperemos que cheguem em breve a Portugal, onde o Partido Socialista está repleto de beatas e ratos de sacristia ao nível de um José César das Neves (também conhecido como o Homem das Neves, de tão retrógado que é). A propósito, como é que esta senhora, deputada do PS que protagonizou este triste episódio, se mantém no cargo de docente universitária com apenas uma licenciatura? Espécie rara de formação, cunha ou, tendo em conta que dá aulas na Universidade Católica, por motivos de devoção religiosa? Ou será que o problema é antes a endogamia?

Já na Alemanha, para grande escândalo dos que passam demasiado tempo a olhar para o seu santo umbigo, está para estrear uma nova série de animação que, por motivos de polémica, faz correr muita tinta e, por motivos de humor, faz correr muitos fluidos corporais. Popetwon, em português literal Cidade do Papa, retrata as aventuras e desventuras de um Pontífice idoso e do seu gangue de clérigos no Vaticano. Satírica até ao extremo, o cartaz publicitário alemão diz tudo:

Lachen statt rumhängen, em português qualquer coisa como "rir em vez de ficar pendurado", LOL! Já estão a ver o nível de humor da coisa, não estão? Mal posso esperar para me rir :] Eis o sítio oficial e não se esqueçam de ver a trailer que lá está disponivel ;)

Finalmente, numa nota bem mais sombria, menciono aqui o apelo lançado pelo Nuno Guerreiro no blogue Rua da Judiaria para que no próximo dia 19 as pessoas se desloquem ao Rossio em Lisboa e acendam uma vela em memória dos quatro mil judeus - homens, mulheres e crianças - assassinados em três dias de massacre em 1506. Passam exactamente 500 anos, pessoal, e as más memórias não podem ser varridas para debaixo do tapete: devem ser recordadas para que não se cometa os mesmos erros. Podem ler descrições de dar a volta ao estômago no blogue do Nuno. Eu juntava-me ao evento se estivesse em Lisboa.

1 Comments:

Anonymous Ângelo Meraio disse...

Olá!
Sou o Ângelo Meraio, sócio da AGAL e estudante de Filologia Portuguesa (entre outras muitas coisas...).Este ano estou de Erasmus em Lisboa onde participo da Gz.pt (Associação de Solidariedade com a Galiza) http://br.groups.yahoo.com/group/gzpontopt/

Era só para dar-te os parabéns pelo teu fantástico blogue e convidar-te a visitares o meu, por se ainda não o conheces! :)

Um abraço e cuide-se desses frios nórdicos XD

2:42 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home